Líderes em Ensino Superior confirmam que a Inteligência Artificial pode melhorar a Experiência dos Estudantes

SHARE THIS POST

A Inteligência Artificial, ou IA, pode melhorar a maneira como as instituições atendem seus estudantes? Uma pesquisa recente realizada pela Blackboard e a University Business revelou algumas ideias interessantes sobre a percepção do ensino superior a respeito da inteligência artificial. A pesquisa consultou membros do ensino superior na University Business, incluindo 130 participantes que ocupam uma variedade de cargos de alto nível, incluindo CIOs, CTOs, líderes de matrículas e admissões, presidentes, decanos e reitores.

Quando os entrevistados foram questionados se suas instituições se esforçam para acompanhar as novidades e o volume de solicitações enviadas pelos alunos (aprendizagem online, ajuda financeira, admissões, TI, etc.), um combinado de 85% deles disseram “sim, definitivamente” ou “sim, em determinados momentos”. Além disso, 87% também concordaram que a maioria das solicitações e consultas dos alunos são repetitivas. É importante indicar aqui que esta pesquisa foi realizada antes da transição generalizada ao aprendizado remoto devido ao COVID-19. Desde então, as escolas têm informado aumentos significativos no volume de consultas de suporte, especialmente quando se trata de problemas de TI.

Resultados

Quando os entrevistados foram questionados se suas instituições lutavam para acompanhar as novidades com o volume de consultas enviadas pelos alunos (aprendizagem online, ajuda financeira, admissões, TI, etc.), um combinado dos 85% disseram “sim, definitivamente” ou “sim, em determinados momentos”. Além disso, 87% também concordaram que a maioria das consultas dos alunos é repetitiva. É importante apontar aqui que esta pesquisa foi realizada antes da transição generalizada ao aprendizado remoto devido ao COVID-19. Desde então, as escolas têm informado aumentos significativos no volume de consultas de suporte, especialmente quando se trata de problemas de TI.

Nessa mencionada pesquisa, 68% disseram que “concordam” ou “concordam totalmente” que os departamentos de TI de suas instituições estão se esforçando para fornecer um adequado suporte 24 horas por dia às comunidades do campus. Além disso, 76% dos entrevistados responderam que acreditavam que a inteligência artificial (IA) poderia lidar com algumas ou até mesmo um número significativo de tarefas repetitivas, permitindo-lhes realizar um trabalho de nível superior ou mais complexo.

No entanto, 75% dos entrevistados afirmaram que suas instituições não usam atualmente sistemas de inteligência artificial, como chatbots, para ajudar a gerenciar as consultas de suporte.

Como resultado desta pesquisa, e de forma similar ao que você provavelmente está observando em sua instituição, vemos que as instituições:

  • Lutam para manter o ritmo com o volume de apoio que recebem.
  • Lutam para fornecer suporte 24 horas por dia aos seus alunos.
  • Reconhecem que a maioria dessas consultas de suporte são repetitivas.
  • Acreditam que a IA poderia lidar com algumas ou uma quantidade significativa dessas consultas repetitivas.

A solução poderia estar na tecnologia de IA, como chatbots? Vamos nos aprofundar nisso.

Como os chatbots ajudam as instituições a melhorar sua capacidade de atender seus alunos?

Para melhorar o resultado dos alunos, as instituições devem avaliar a lacuna que enfrentam quanto ao apoio, à participação e à comunicação com os alunos. Mas as instituições nem sempre têm os recursos para dimensionar e atender às necessidades dos alunos de forma proativa.

De acordo com a pesquisa, mais de 80% dos usuários em contato com chatbots creem que a tecnologia é útil para alunos e funcionários. À medida que aumenta o volume de consultas para suporte de alunos e funcionários, é fundamental ter as ferramentas para escalar a situação.

Os chatbots com tecnologia de IA podem ajudar a reduzir gaps em difersos setores, bem como os desafios de comunicação a fim de aumentar as taxas de matrícula, retenção e o resultado dos alunos. Apresentamos algumas formas em que os chatbots ajudam as instituições fornecendo um melhor suporte aos seus alunos:

Melhorar a experiência: ao aumentar as formas como um aluno pode buscar ajuda e oferecer um serviço rápido e amigável com integrações sólidas, você está oferecendo aos alunos uma experiência melhorada que pode impulsionar o compromisso e a retenção.

Reduzir custos: a tecnologia Chatbot permite que as instituições mudem os recursos para se concentrarem nas prioridades estratégicas com menos horas dedicadas na solução de problemas básicos ou em perguntas frequentes.

Redução das cargas de trabalho: os chatbots fornecem recursos escaláveis para apoiar uma instituição durante os horários de pico e os mais desafiadores, como o início de um novo semestre ou mudanças urgentes no ensino remoto, como vimos durante a crise da COVID-19, no qual reduz a carga em relação a suas equipes de suporte.

Extensão do horário: fornecer suporte 24×7, para que alunos, professores e funcionários possam receber ajuda no momento necessário.

Análise da pesquisa

A justaposição de dados em torno da necessidade de fornecer suporte em escala, os benefícios conhecidos das ferramentas de inteligência artificial e a baixa adoção de tais tecnologias nos diz que estamos à beira de uma mudança. Antecipamos que cada vez mais instituições estão adotando ferramentas impulsionadas pela IA nos próximos 18 a 24 meses, especialmente à medida que o campus adota planos de contingência para a instrução remota em caso de emergência.

Já vimos o impacto que as ferramentas baseadas em IA podem ter através de nossos parceiros que usam o Blackboard Chatbot, uma ferramenta que usa IA de conversação para interagir com os alunos, os professores e os funcionários para obter as informações necessárias ao longo do tempo e na forma como preferem se comunicar.

Para maiores informações, acesse a pesquisa e a análise executiva. Veja como as instituições percebem a tecnologia do chatbot atualmente e as maneiras como se pode aliviar a carga de sua equipe de suporte, ao mesmo tempo em que oferece uma experiência melhor para seus alunos.